24 de março de 1882: Robert Koch identifica o bacilo da tuberculose

Robert Koch

Não é preciso dizer ao mundo de 2021 que os velhos inimigos do homem nunca deixam de rondar nossas vidas. A pandemia de Sars-CoV-2 não é nenhuma novidade, ela só veio lembrar que a qualquer momento o infinitamente pequeno pode derrubar os que se acham gigantes inatingíveis.

A luta do ser humano contra outros seres da natureza também não é nova. E a história registra mais derrotas que vitórias. Nos últimos anos do século retrasado, com o desenvolvimento da microbiologia. Ferdinand Cohn, Louis Pasteur e Robert Koch certamente ficariam maravilhados com a tecnologia atual. Na época deles, era só o microscópio, e a qualidade das lentes faria pena ate mesmo a estudantes de ciências nos ensino médio.

No entanto, foram esses três que deram os primeiros passos para o entendimento deste mundo minúsculo que pode ter consequências enormes e desastrosas. Prêmio Nobel em 1905, justamente por sua descoberta do bacilo que leva seu nome, os Cabeças da Notícia de 21 de março de 2021 contaram a história do alemão Robert Koch. Confira >