4 de março de 1826: Buenos Aires vira Capital Federal

Como assim, 1826? Buenos Aires foi fundada em 1826? Não, é claro. Sua história é muito mais antiga. A maior cidade da Argentina é também a mais antiga. E precisou até de duas fundações para vingar, ficando hoje uma das maiores da América Latina. A data se refere à “Lei de Capitalização”, quando se tornou capital federal, num país ainda recém independente e quem buscava o melhor sistema de governo entre as províncias.

A história começa quase três séculos antes, quando foi estabelecida pela primeira vez no atual bairro de San Telmo a Ciudad de Nossa Senhora Santa Maria del Buen Ayre, no singular mesmo, em homenagem a Nossa Senhora de Bonaria, conhecida no Brasil como Nossa Senhora da Candelaria, em 2 de fevereiro 1536 por uma expedição espanhola liderada por Pedro de Mendonza.

 

Mas a cidade não vingou. Os querandis, indígenas desta região que chamavam no idioma deles “pampa”, logo recuperam o local. Foi preciso o retorno dos espanhóis, em 1580 com Juan de Garay navegando pelo rio Paraná, para restabelecer o assentamento. O coroa não tinha muito interesse nas terras, só no porto. O vilarejo recebeu o nome de Santíssima Trinidad, e o caís o de Puerto de Santa Maria de Buenos Aires (deste vez sim no plural).

O nome ficou e até se estendeu mas, até hoje, para diferenciar os habitantes da cidade dos da província, os primeiros são chamados de “portenhos”. Mas apesar de ser “uma porta das terras para o Atlântico”, B. Aires continuou sofrendo do pouco caso da Espanha, que só se interessava pela saída pelo Pacífico.

Enquanto outras cidades do Vice-Reinado do Peru tinha intenso comercio com a Europa e o resto do Mundo, Buenos Aires podia ficar até dois anos ser receber navios transatlântico. E a população se virava, particularmente com os rebanhos de gado sem dono que circulavam entre hoje o Brasil e a Argentina. Por isso eram chamados de “vaqueiros”.

Com a independência em 1810, logo se começou a discutir o sistema de governo. As províncias eram fortes, queriam um sistema tipo confederal, como tem hoje por exemplo na Suiça, onde a capital na prática só responde pelas relações exteriores. Mas a guerra do Brasil eclodiu, e os adeptos de centralismo conseguiram proclamar Buenos Aires como capital federal. Isso em 4 de de março de 1826. E é a história contada neste 4 de março de 2021 nos Cabeças da Notícia >